Acesse nosso Portal
  

Em tempos de crise, todos nós ficamos preocupados em como continuar arcando com nossas responsabilidades financeiras. Mas você não pode deixar a instabilidade política ou econômica atrapalhar o seu futuro profissional. Conheça algumas alternativas de como custear a sua faculdade.

como-pagar-faculdade-em-tempos-de-crise

Como pagar a faculdade em tempos de crise

 

1. Bolsas de estudo

Essa opção é ideal para quem ainda não entrou na faculdade, pois as bolsas de estudo geralmente são concedidas com base na classificação do candidato no processo seletivo. Há instituições que também concedem bolsas para alunos com renda insuficiente ou por mérito acadêmico.  

 

2. Estágio Remunerado

Fazer estágio remunerado é uma alternativa conveniente para quem tem tempo livre e quer unir o útil ao agradável. É uma ótima chance de pôr em prática o conhecimento aprendido e ser remunerado por isso. Aqui nós temos o Unit Carreiras, onde você pode procurar por aconselhamento, capacitação profissional e vagas de estágio compatíveis com o seu perfil.

 

3. Convênios

Visando o aprimoramento profissional de seus colaboradores, algumas empresas firmam contratos de parceria com faculdades, que concedem descontos aos estudantes. Na Unit, por exemplo, você tem desconto de até 30% nos cursos de graduação e tecnológicos. 

 

4. Financiamento Estudantil

Se o orçamento está muito apertado e você tem receio de não ter como pagar a faculdade, o financiamento pode ser a solução. Há diversos programas, com diferentes condições e taxas de juros (alguns nem tem!), mas o funcionamento é basicamente o mesmo: você paga uma parte do valor da mensalidade e financia o resto.

 

5. Bônus: Seguro Educacional

Ninguém gosta de esperar o pior, mas saber o que fazer diante de uma situação desfavorável pode ser a diferença entre sucesso e fracasso. Por isso nós temos o Seguro Educacional, uma facilidade da Unit que se responsabiliza por pagar a sua faculdade por até seis meses, em caso de desemprego ou morte do responsável financeiro.

 

Financiamento estudantil: vantagens de usá-lo para pagar a faculdade

 

Como pagar a faculdade

Depois de conhecer as principais alternativas para pagar a faculdade, que tal conhecer um pouco mais sobre esse tipo de financiamento?

Como dissemos, cada programa de crédito universitário tem suas características particulares, que vamos te mostrar daqui a pouco, no entanto, todos eles conservam vantagens similares entre si.

Veja só:

 

1. Você pode pagar a faculdade após terminar

Um dos principais benefícios do financiamento é a possibilidade de pagar a faculdade após concluí-la. Digamos que você financie os dois últimos semestres de seu curso; a maioria dos programas permite que você os pague no dobro do tempo, isto é, quatro semestres.

 

2. Você alivia o orçamento

Por ter um prazo de pagamento bastante flexível, o financiamento é ideal para quem precisa dar aquela aliviada no orçamento. Os valores mais baixos permitem que você faça um bom planejamento financeiro, ficando mais tranquilo para se dedicar aos estudos.

 

3. Você tem as melhores taxas de juros

Nem pense em pegar um empréstimo para pagar a faculdade! Além de taxas de juros altíssimas e absurdas, o tempo que você tem para quitá-lo costuma ser muito pouco. Com o financiamento, você tem taxas de juros menores e mais tempo para pagar.

Há, inclusive, programas que nem cobram juros.

financiar-a-faculdade-com-facilidade

 

Oportunidades de financiamento estudantil

Hoje, existem várias opções para esse tipo de financiamento. Assim fica fácil encontrar uma de acordo com as suas necessidades, que apresente condições que caibam no seu bolso e o ajude a pagar a faculdade.

Lembre-se de acessar o regulamento completo de cada um dos programas e verificar as condições de elegibilidade.

  • Fundo de Financiamento Estudantil (FIES): é um programa do Ministério da Educação (MEC), que serve tanto para quem já entrou na faculdade como para aqueles que ainda estão tentando. É preciso ter feito ENEM e possuir renda familiar mensal bruta por pessoa de até 5 salários mínimos (regra válida para ingressantes a partir de 2018).
  • PROUNI: se você ainda não tem diploma de ensino superior e prestou ENEM, esta pode ser sua escolha de financiamento. Entre no site do PROUNI, cadastre-se e aguarde a aprovação. Depois é só preparar os documentos necessários e apresentá-los na Unit.
  • PRAVALER: com essa opção, você pode financiar até 100% do seu curso sem precisar de nota do ENEM ou processo seletivo. Ainda dá pra combiná-la com outras formas de pagamento, como FIES e bolsas de estudo.

CONHEÇA NOSSOS CURSOS!

Gostou deste post?

Leia também:

Como se preparar para o vestibular? Dicas para não perder tempo!

Como ganhar dinheiro em casa enquanto faz faculdade

Ensino Superior vale a pena? Saiba por que fazer uma graduação

Topics: Dicas, Financiamento Estudantil

Cleiton Miranda

Written by Cleiton Miranda