Dicas para aproveitar os estágios

Dicas para aproveitar ao máximo estágios de Licenciatura

Saiba como desfrutar todas as oportunidades oferecidas por um estágio para ganhar mais conhecimento e fortalecer a experiência profissional!


A Licenciatura é uma graduação específica para quem pretende se tornar professor do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e/ou do Ensino Médio.

Por isso, é importante escolher uma área específica de atuação, já com o pensamento na disciplina que será ministrada em sala de aula. 

Entre as opções estão Letras, Matemática, Geografia, Química, Física e História. Já os interessados em atuar na educação infantil devem se formar em Pedagogia.

Como qualquer formação, ao final do curso, é necessário fazer um estágio – um momento esperado por todos os alunos desde os passos iniciais da vida acadêmica, como a prestação do vestibular online/presencial.

 


Para que serve o estágio de Licenciatura?

Como outros estágios de faculdade, o estágio de Licenciatura serve para ganhar experiência.

A fase de estágio – remunerado ou não – acontece nos últimos semestres do curso. A essa altura, o aluno já tem bastante conhecimento teórico, mas pouca bagagem prática.

Para se certificar que os estudantes vão conseguir caminhar com as próprias pernas no mundo real, as universidades pedem que eles atuem como estagiários durante um tempo.

Além disso, esse também é um momento de aprendizagem. Estagiários, geralmente, são pessoas sem experiência profissional, principalmente na área em que estudam. 

O dia a dia no trabalho podem ensinar coisas que ficam difíceis de transmitir até mesmo em sala de aula.

Diante disso, o estagiário ganha mais créditos para os estudos e mais experiência para o mercado, o que ajuda a pessoa a encontrar um emprego com mais facilidade depois que estiver formada.


Como conseguir estágios para a faculdade?

Para conseguir estágios de faculdade, os alunos têm algumas opções disponíveis.

A primeira é recorrer às possíveis oportunidades oferecidas pela instituição, que podem contratar seus estudantes para exercer funções dentro da universidade – em alguns casos com algum tipo de auxílio, seja bolsa ou remuneração.

Para os alunos que não conseguiram outros estágios a tempo, as instituições também podem colocá-los para cumprir disciplinas obrigatórias, na própria grade curricular, que contam como as horas de estágio exigidas para a formação.

As universidades também podem servir como mediadoras ao fechar parcerias com agências de emprego ou empresas que possam oferecer as vagas. Na Unit, uma das formas de ajudar o aluno nesse sentido, é através do Unit Carreiras.

Um espaço que direciona os estudantes de graduação e pós-graduação à experiência prática do mercado.

O jeito clássico de enviar currículos para oportunidades encontradas em sites especializados ou no LinkedIn também funciona. Quem tem indicação consegue ainda mais chances.

Esse método também funciona para o estágio de Licenciatura, principalmente para instituições de ensino particulares.

Outra opção é optar pela rede pública. Nesse caso, é preciso ficar de olho nos portais oficiais do governo ou da prefeitura. Com certa frequência, as vagas de estágios remunerados são abertas para milhares de candidatos.

Em São Paulo, por exemplo, a bolsa auxílio foi aumentada em 30% em maio de 2022.


Como aproveitar o estágio?

Aqui, boa parte do recomendado vale não só no cumprimento de estágios, mas também de toda a trajetória acadêmica.


Documente o aprendizado

moca-fazendo-anotacoes-do-estagio-de-faculdade

Assim como na sala de aula, anote as informações do estágio que você acha que são importantes.

Podem ser coisas aparentemente triviais: uma observação, um lembrete, o nome de um livro, uma técnica de ensino que desconhecia, uma anotação sobre o comportamento de um dos alunos, etc.

Mas não vá cortar o trabalho pela metade para escrever. Faça isso em momentos oportunos, como no horário do almoço ou ao final do expediente.


Planeje sua agenda

Quando alguém está estagiando é porque, normalmente, ainda não terminou os estudos. A nova carga horária de atividades pode impactar no primeiro momento, ainda mais para quem nunca teve outra experiência de trabalho.

Desta forma, é importante se planejar bem para não deixar nada pendente e também para não ficar sobrecarregado.

É difícil ter controle sobre os horários do trabalho e das aulas, mas é possível organizar os momentos de revisão, estudos, descanso e lazer.

Se as aulas forem híbridas ou se tratarem de uma graduação EAD, criar um planejamento semanal pode se tornar mais fácil.


Faça networking

Os estágios de faculdade são ótimas maneiras de fazer conexões com colegas de profissão.

Ao interagir com essas pessoas, o estagiário amplia sua visão sobre a educação e ainda tem chances de desenvolver relações sólidas o suficiente para beneficiá-lo profissionalmente.

É o momento e local ideal em se tratando de como e onde fazer networking, além de ser importante para entender o dia a dia no trabalho. 

Se dar bem com os professores, coordenadores e outros estagiários cria um ambiente muito mais agradável e produtivo no trabalho.


Mantenha o seu currículo atualizado

É fundamental manter o currículo atualizado para aumentar as chances de sucesso profissional.

Assim que começar um novo emprego ou um novo curso – seja de especialização, de idiomas, uma nova formação, etc. – adicione essas informações ao seu currículo. Também não se esqueça de detalhar, de forma breve, suas principais atividades.

Faça isso no seu CV “comum” – o que guarda no computador para enviar aos recrutadores – e no seu perfil do LinkedIn. Hoje em dia, a rede social é uma porta de entrada poderosa para ótimas oportunidades de trabalho.


Seja profissional

Mostre que está levando o estágio a sério e aja de maneira profissional no seu ambiente de trabalho.

Mesmo que o cargo não for remunerado, ter uma experiência positiva é importante para agregar à sua carreira e aumentar as chances de oportunidades no futuro.


Peça referências

No final do estágio, uma boa maneira de aproveitar a experiência ao máximo é pedir referências aos colegas.

Uma carta de recomendação de um chefe ou supervisor pode abrir caminhos e simplificar os processos seletivos, já que terá um profissional experiente na área afirmando, oficialmente, as suas qualidades.

De modo geral, os estágios voltados à Licenciatura têm como objetivo ajudar na formação de novos profissionais da área do ensino, portanto, toda a experiência possível de ser adquirida nessa etapa do curso é bem-vinda.

 

Leia também:

Pós-graduação: 12 mitos e verdades que você precisa saber

4 dicas para escolher seu curso de graduação

Tecnologia e inovação no ensino superior a distância5 dicas importantes para escolher a carreira certa

 

POSTS RELACIONADOS